Pesquisar este blog

Compartilhe



quarta-feira, 5 de abril de 2017

Dia 31 - Roteiro Quaresmal 40 dias no Deserto

Ao início da meditação de cada dia, reze: Senhor, no silêncio desta hora de graça, venho pedir-te a paz, a sabedoria e a força. Quero olhar o mundo com olhos cheios de amor. Quero ser paciente, compreensivo, manso e prudente. Quero ver além das aparências teus filhos como tu mesmo os vês e, assim, Senhor, ver senão o bem em cada um deles. Fecha meus ouvidos a toda calúnia. Guarda minha língua de toda maldade. Que só de bênçãos se encha minh'alma. Que eu seja tão bom e tão alegre que todos aqueles, ao se aproximarem de mim, sintam tua presença. Reveste-me de tua beleza, Senhor, e que, no decurso desse dia, eu te revele a todos. Dá-me, assim, pelo Espírito Santo, viver o dia de hoje em comunhão contigo, em atenção ao que se passa comigo e vigilante diante dos desvios do caminho. Inspira-me com tua luz, defende-me com tua graça, santifica-me com teu amor. Invoco o preciosíssimo Sangue de Jesus para que me guarde, a intercessão da Mãe Santíssima para que me valha em todas as horas e a proteção dos Arcanjos Miguel, Gabriel e Rafael na jornada deste dia. Em nome de Jesus. Amém.

31º Dia – Quarta-feira, 5 de abril: ESPERAR “Esperando, esperei no Senhor, e inclinando-se, ouviu meu clamor.” (Sl 39, 2) Há uma esperança que não frustrará jamais. Ela pode fcar obscurecida pelas nuvens escuras, como acontece nos dias nublados, ou até mesmo parecer se anular, como acontece quando a noite cai, mas ela estará ali. Ela é o sol e nós somos semelhantes à terra. Não é o sol que se move e, sim, a terra. Nesse movimento existencial, as noites da vida chegam e, por vezes, são tremendamente escuras, mas o amanhecer logo vem, como diz o salmista: “Pela tarde, vem o pranto, mas, de manhã, volta a alegria” (Sl 29, 6). A esperança sorrirá para você com o nascer do sol. A noite não pode deter o amanhecer. Ele pode tardar, mas chegará; pode parecer distante, mas chegará; pode se assemelhar a uma quimera, mas chegará. Assim a esperança será o seu alimento nas prolongadas noites da dor, do medo, da solidão. Lembre-se, no entanto, que o Senhor penetrou na mais densa escuridão da morte, para transformá-la no amanhecer da ressurreição. Veja o que a Palavra fala sobre Abraão: “Esperando, contra toda a esperança, Abraão teve fé e se tornou pai de muitas nações, segundo o que lhe fora dito: Assim será a tua descendência (Gn 15,5). Não vacilou na fé, embora reconhecendo o seu próprio corpo sem vigor - pois tinha quase cem anos - e o seio de Sara igualmente amortecido. Ante a promessa de Deus, não vacilou, não desconfiou, mas conservou-se forte na fé e deu glória a Deus. Estava plenamente convencido de que Deus era poderoso para cumprir o que prometera. Eis por que sua fé lhe foi contada como justiça” (Rm 4, 18-22). Você não será decepcionado! “Espera no Senhor e sê forte! Fortifique-se o teu coração e espera no Senhor” (Sl 26, 14). Medite em Rm 5, 1-5 Reze: Eu espero em ti, Senhor!

Autoria Padre Sergio

http://www.padresergio.com/

Nenhum comentário:

Postagens populares

Google Plus


Google+
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...