Pesquisar este blog

Compartilhe



segunda-feira, 30 de março de 2015

SANTA SÉ: CRISTÃOS NO ORIENTE MÉDIO CORREM RISCO DE EXTINÇÃO

Blog da Sagrada Família  /  JOSÉ MARIA MELO
Nova Iorque (RV) - Os cristãos estão "em risco de extinção" no Oriente Médio, a comunidade internacional intervenha o quanto antes ou será tarde demais. Foi o que disse num veemente apelo na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque, o observador permanente da Santa Sé na Onu, Dom Bernardito Auza.
"A hora é grave" – afirmou o arcebispo filipino –, a própria sobrevivência dos cristãos no Oriente Médio está em risco desde o ano 2000.
Também outras comunidades étnicas e religiosas estão igualmente sofrendo "violações dos direitos humanos, torturas, assassinatos e toda forma de perseguição simplesmente por causa da fé que professam ou do grupo étnico ao qual pertencem", mas "os cristãos foram especificamente tomados de mira, assassinados ou obrigados a fugir de suas casas e vilarejos".
"Somente 25 anos atrás havia quase dois milhões de cristãos no Iraque", enquanto hoje são menos de 500 mil, recordou Dom Auza.  A situação é "insustentável" diante das ameaças de morte que sofrem por parte de organizações terroristas. Os cristãos vivem um "profundo sentimento de abandono" por parte das autoridades legítimas e da comunidade internacional.
A Santa Sé convida o mundo inteiro "a agir antes que seja tarde demais", recordando que "a comunidade internacional inteira concordou que todo Estado tem a responsabilidade primária de proteger a sua população de genocídio, crimes de guerra, crimes contra a humanidade e limpeza étnica" e – onde não pudesse ou não quisesse – "a comunidade internacional, em conformidade com a Carta das Nações Unidas, deve estar pronta para intervir a fim de proteger as populações".
O prelado recordou também que o Papa Francisco reiteradas vezes convidou a comunidade internacional "a fazer todo o possível para dar fim e prevenir ulteriores violências sistemáticas contra as minorias étnicas e religiosas". "O atraso da intervenção significará unicamente que mais pessoas morrerão, serão perseguidas ou obrigadas a fugir", advertiu o representante vaticano.
A Santa Sé manifesta "seu profundo apreço pelos países da região e por todos aqueles que trabalham incansavelmente, inclusive com risco para a própria vida, para dar assistência a cerca de dois milhões e meio de deslocados internos no Iraque, a doze milhões de sírios que precisam de assistência humanitária, dos quais quatro milhões vivem como refugiados e sete milhões e meio como deslocados internos. Procuremos ajudar esses países", exortou o Arcebispo Auza. (RL)(from Vatican Radio)
Fonte: Rádio Vaticano


Original Article: http://blogdasagradafamilia.blogspot.com/2015/03/santa-se-cristaos-no-oriente-medio.html

Encontrado em: http://www.linkscatolicos.com.br/2015/03/santa-se-cristaos-no-oriente-medio.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+blogspot%2FBeItJ+%28Guia+de+Blogs+Cat%C3%B3licos%29

Nenhum comentário:

Postagens populares

Google Plus


Google+
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...