Pesquisar este blog

Compartilhe



segunda-feira, 25 de junho de 2012

É Santo Agostinho, Sermão CCXLI, 2

É Santo Agostinho, Sermão CCXLI, 2: pl 38, 1134:

"A beleza das coisas fala da beleza suprema de Deus Criador".

“Interroga a beleza da terra,

interroga a beleza do mar,

interroga a beleza do ar difundida e diluída.

interroga a beleza do céu,

interroga a ordem das estrelas,

interroga o sol, que com o seu esplendor ilumina o dia;

interroga a lua, que com o seu clarão modera as trevas da noite.

interroga os animais que se movem na água, que caminham na terra,

que voam pelos ares: almas que se escondem, corpos que se

mostram; visível que se faz guiar, invisível que guia.

Interroga-os!

Todos te responderão:

Olha-nos, somos belos!

A sua beleza fá-los conhecer.

Quem foi que criou esta beleza mutável, a não ser a Beleza Imutável?”

Nenhum comentário:

Postagens populares

Google Plus


Google+
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...