Pesquisar este blog

Compartilhe



segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Construção da família baseada no amor é tema de congresso em DF

Nicole Melhado
Da Redação CN

Entre os dias 28 e 30 de outubro acontece em Brasília, o 2º Congresso Nacional de Planejamento Familiar, o tema deste ano é "Construir a Família: por amor, com amor e para o amor”. Autoridades religiosas, médicos especialistas e agentes de pastorais abordarão os diversos aspectos da composição da família, à luz de exemplos concretos e dos ensinamentos do Magistério da Igreja. 

“O que é e como se expressa o amor conjugal, como preparar-se para um matrimônio cristão, como receber o dom dos filhos e o que significa planejamento familiar sob a perspectiva católica” é o que propõe este evento, explica a doutora em Microbiologia Lenise Aparecida Martins Garcia.


Paternidade responsável

Para doutora Lenise, a paternidade responsável é "entender de forma responsável" como receber os filhos que Deus envia a um casal, sem fechar as portas a uma nova vida, mas tendo em conta que a paternidade traz também a necessidade de sustentar e educar a prole. 

"Nos dias atuais, muitas vezes um casal fica em dúvida sobre as prioridades em relação à sua família, se acolher mais um filho viria em detrimento dos direitos dos filhos já existentes. Esse será um dos pontos a serem abordados no Congresso", destaca.

Outro aspecto importante, que será abordado no Congresso, é a dificuldade que muitos casais têm para engravidar. Nesses casos, o conhecimento dos ritmos da mulher, por exemplo, pode facilitar o planejamento da família. 

"A explicação sobre o planejamento natural e o debate sobre os problemas dos métodos artificiais, farão parte também do programa do Congresso", conta.


Desafios da família moderna

A família encontra hoje muitos desafios, tanto internos como externos, destaca doutora Lenise. Há no ambiente uma mentalidade individualista, materialista, consumista, que muitas vezes dificulta os rumos do amor, fazendo com que as pessoas centrem-se em si mesmas e nas suas posses, existentes ou ambicionadas, e não percebam o grande dom que representa a estruturação de uma família. 

"Além disso, para muitos falta o acesso a bens fundamentais, como saúde e educação. Nesse entramado complexo, não há soluções padrão ou regras fixas, mas princípios que iluminam os casais para que tomem as suas decisões. Nesse sentido, as famílias católicas são chamadas a ser luz também para as outras, partilhando as respostas que encontraram a esses desafios", salienta.

Leia mais
.: Método Billings possibilita que mulher se conheça melhor

Nenhum comentário:

Postagens populares

Google Plus


Google+
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...